Lista de socorro prioritário contra a seca do RS

Crissiumal é um dos municípios com prioridade


 

 

 

Com 2,9 mil habitantes, Toropi, na região Central do Estado, lidera o ranking dos municípios prioritários para repasse de até R$ 80 mil para obras contra a seca. Finalizada nesta terça, a lista completa tem 279 prefeituras, será divulgada nesta quarta e leva em conta a quebra na safra de milho, o impacto na agricultura familiar e o Índice de Desenvolvimento Econômico e Social.

>>>>> Clique no arquivo no fim deste texto para conferir a ordem de prioridade. O número ao lado representa o grau de urgência do auxílio <<<

O objetivo é orientar a distribuição de R$ 10,9 milhões do Tesouro Estadual e R$ 10 milhões da União. As prefeituras terão 10 dias para se credenciar para receber a verba, que poderá ser utilizada na instalação de poços já perfurados e na extensão de redes de água. A expectativa é que o socorro chegue em fevereiro.

Segundo a coordenadora da Sala de Situação, Mari Perusso, inicialmente, serão atendidos 128 municípios com o recurso estadual que foi incrementado com mais R$ 2,2 milhões pela Secretaria de Obras. Hoje, o governo encaminha a documentação para liberação do aporte federal.

A prioridade foi comemorada pelos prefeitos da região Central e da Zona de Produção, onde estão localizados seis dos dez primeiros da lista. O prefeito em exercício de Toropi — onde a perda no milho chega a 95% —, Vandir Oesterreich, ficou eufórico. Mas nem todos os planos poderão ser atendidos, já que a perfuração de poços não está contemplada. “Então vamos investir na extensão da rede de água”, frisou.

O prefeito de Agudo, Ari Anunciação, pretende recuperar três poços. “Vai ajudar muita gente”, destacou, lembrando que a seca dizimou 90% do milho e 80% do feijão e o prejuízo chega a R$ 37 milhões.

Festa também em Restinga Seca, onde cem famílias serão beneficiadas pela extensão de redes de água. “O valor não é suficiente, mas é bem-vindo”, avaliou o prefeito Tarcizo Bolzan, que calcula prejuízo de R$ 50 milhões na agricultura.



     Veja o arquivo: Clique para conferir a ordem dos municípios socorridos


Fonte: Cleidi Pereira e Carolina Jardine

Postado: www.guiacrissiumal.com.br